10 mandamentos para livrá-lo do mal resultado nos negócios

Publicada em: 14/05/2012

O maior investimento que a atual direção da ACIC vem fazendo é sensibilizar o empreendedor ceilandense a capacitar-se no melhoramento da gestão dos seus negócios. A primeira ação é sensibilizá-lo a investir na capacitação de todos as pessoas que estão envolvidas diretamente com o negócio da sua empresa (atendimento, compras, logística, fluxo de caixa, etc); A ACIC se preocupa com a atualização constante do empreendedor de forma que ele receba constantemente informações para que ele perceba que a sua empresa faz parte de um ecossistema(mundo complexo) e por ser assim encaminhamos 10(dez) mandamentos para livrá-lo do mal resultado:

 

1. TENHA CAPITAL PARA OS DOIS PRIMEIROS ANOS

 

Estimativa conservadora, mas fundamental para a perenidade de um novo negócio. Caso contrário, existe o risco de você ter de abandonar um empreendimento promissor no meio do caminho.

 

2. SEPARE O DINHEIRO DA EMPRESA DO SEU

 

Estabeleça um pró-labore mensal mínimo para sua sobrevivência logo no começo da empresa e trate a si mesmo como um funcionário (com plano de saúde e previdência).

 

3. ANALISE CADA DETALHE DO CONTRATO SOCIAL

 

Isso protege seu negócio e evita desentendimentos com os sócios. Estabeleça a distribuição de lucros, as condições para contrair empréstimo e até quem serão os herdeiros.

 

4. TENHA MAIS DE UM FORNECEDOR

 

Empresas que importam ou que dependem de determinada matéria-prima devem ter mais de um fornecedor para o caso de o atual aumentar o preço ou o prazo de entrega na renovação do contrato.

 

5. INCLUA MULTA NO CONTRATO DE LOCAÇÃO

 

O risco do empreendedor quebrar por ter de devolver o ponto onde está estruturado seu negócio é grande. A dica é estabelecer uma multa em caso de devolução antecipada do imóvel.

 

6. NÃO DESCONTE NOTAS COM ANTECEDÊNCIA

 

Não caia na tentação de começar a descontar notas a receber. O risco do empreendedor entrar em um círculo vicioso e seu lucro vai para os juros bancários.

 

7. MANTENHA O CAPITAL DE GIRO COM O VALOR DE DEZ FATURAMENTOS

 

Mesmo que o empreendimento não seja tão novo, mantenha capital de giro equivalente a dez vezes o valor do faturamento. “Não se pode demitir funcionários treinados ou deixar de atender a um cliente por falta de capital.”

 

8. VINCULE EMPRÉSTIMO À PRODUTIVIDADE

 

Especialmente nos primeiros meses, em que o empreendimento é mais frágil economicamente, baseie-se em detalhadas análises de mercado antes de decidir se deve ou não procurar recursos externos.

 

9. REVEJA AS DESPESAS E CORTE SUPÉRFLUOS

 

Corte despesas desnecessárias. Mantenha sua planilha atualizada e analise quanto gastou com cada item nos últimos três meses. Tenha um propósito definido para cada gasto.

 

10. CONTRATE UMA BOA EMPRESA CONTÁBIL

 

Os contadores vão analisar em que regime sua empresa se encaixa e quando deverá mudar a forma de tributação. “Você pode até pagar um pouco mais caro, mas o dinheiro investido volta em forma de resultado.”

 

Fonte: Revista PGN

<< Mais Antiga       Mais Recente >> Histórico de Noticias
TV Acic
Cursos
Filiados
Rádios Acic