Força do povo de Ceilândia em três atos

Publicada em: 17/11/2012

 

Arlete discute abrigo com moradores

Líder do governo na Câmara Legislativa, a deputada Arlete Sampaio não se calou diante dos residentes de Ceilândia que foram até lá protestar contra a construção de um abrigo para moradores de rua na QNR. Admitiu que é difícil aceitar a instalação de serviços que possam representar a proximidade de moradores de rua, mas assegurou que a comunidade fora ouvida. Além disso, afirmou que ainda não se decidiu a finalidade do abrigo.

Quatro propostas

De acordo com Arlete, a Secretaria de Desenvolvimento Social prevê a instalação de quatro albergues no Distrito Federal. Um se destinará exclusivamente para pessoas que vêm ao Distrito Federal tratar da saúde. Um segundo atenderá a situações inesperadas, como a de pessoas em trânsito ou que sofram perseguições políticas. Outro abrigo receberá famílias que estão nas ruas, adequando-se a que nele se estabeleçam provisoriamente e, enfim, um albergue que será destinado à população de rua.

Tá falado


Ninguém quer um albergue perto de si, mas se a gente discute com a comunidade que esse albergue terá outra finalidade que não abrigar população de rua, acho totalmente possível discutirmos e negociarmos isso com a comunidade.

Arlete Sampaio, dirigindo-se a moradores de Ceilândia que protestavam contra a construção de abrigo na QNR

Fonte: Coluna Do alto da torre - Jornal de Brasilia - 17/11/12

<< Mais Antiga       Mais Recente >> Histórico de Noticias
TV Acic
Cursos
Filiados
Rádios Acic