Só ação ampla contra pirataria

Publicada em: 17/08/2012

Só ação ampla contra pirataria

 

Na maior operação do gênero já realizada no Distrito Federal, mais de 300 mil mídias piratas foram apreendidas ontem na Feira dos Importados de Taguatinga, como o Jornal de Brasília informa nesta edição. Esse número raramente é atingido em um só dia de fiscalização do comércio irregular. A operação resultou na prisão de 12 pessoas e a interdição de 38 bancas. O volume de CDs e DVDs identificados surpreendeu até os policiais e agentes da Agefis que participaram.

 

De acordo com o secretário de Ordem Pública, José Farias, a meta não era apreender apenas quem vende os produtos pirateados, mas quem os fornece ou fabrica. Realmente, nesta operação, dez dos detidos eram comerciantes e dois, fornecedores. É preciso, porém, ir à origem do problema. Houve avanços. De um ano para cá, 75% das bancas da Feira dos Importados de Taguatinga deixaram de vender produtos piratas. Mas as mídias irregulares permanecem no mercado.

 

Não é para menos. As fontes de abastecimento permanecem em pleno vapor. Só uma operação de âmbito nacional pode obter êxito maior. E para isso se precisa de vontade política. Editorial - Jornal de Brasília-DF, 17/08/12

<< Mais Antiga       Mais Recente >> Histórico de Noticias
TV Acic
Cursos
Filiados
Rádios Acic